Mudança #1 | Na minha mesa de cabeceira

18:00


O que venho partilhar hoje aqui no blog é o que tenho na minha mesa de cabeceira

Eu não tenho ideia de há quantos anos existe a ideia de usarmos mesas de cabeceira nem fui pesquisar. Mas foi uma óptima ideia!

É sempre bom termos um apoio junto da cama com certas coisas. 

Um candeeiro com uma luz amarela fraquinha para dar aquele ambiente acolhedor, quentinho e relaxante de fim de dia. Eu esqueci-me de fotografar o meu mas é um projector preto de mola. 

E depois acho que fica um pouco ao critério de cada um. 
Eu tenho na minha mesa de cabeceira as minhas leituras do momento.


Tenho sempre uma velinha na mesinha de cabeceira. Eu adoro acender uma velinha...Eu comprei estas minhas pequeninas no Lidl. Já não me recordo do preço mas acreditem que não deve ter sido muito. Eu sou muito forreta. Elas cheiram muito bem quando estão apagadas. Quando estão acesas não noto nada. As que comprei foi neste tom laranja, e mais dois tons a baixo. Haviam lá mais cores na loja. Eu não sei se ainda tem. Foi na zona dos fósforos/acendalhas/venenos das moscas...por ai. Por isso julgo que deve haver sempre. 

Eu uso aqui neste......pote?! isto é o que? uso aqui. Tem uma tampinha que ao colocarmos apaga a vela. Vejam bem. Acho óptimo porque impede de ficar aquele cheiro-a-fim-de-festa-de-aniversário sabem.. 


Tenho também esta caixinha onde guardo uma lanterna que recebi da Wook, uma mola sozinha porque o pacote já foi para o lixo, e um marcador. 


Para ser sincera eu tinha ainda: o comando da televisão, o telemóvel, um lápis, uma caneta e um papel com rabiscos. Não cabia mais nada mesmo. Mas arrumei tudo. Assim ficará durante uns dias. Arrumado. 

Também vos acontece no final da semana terem metade do vosso quarto na vossa mesinha de cabeceira? Não neh...pois. Eu vou tentar melhorar. 

Catarina.

You Might Also Like

3 comentários

  1. Pois, acontece-me exactamente o mesmo. Mas ainda mais um pacote de bolachas e uma garrafa de água que entretanto fui buscar e ficaram esquecidas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Anna, ainda bem. Fico feliz por não estar sozinha nisto :)

      Eliminar